Você se lembra delas?!

Você se lembra delas?!
Confira nossas atividades de catequese!

terça-feira, 30 de abril de 2013

Equipes de Liturgia – Parte 1


Deixa eu dizer!... 

Pesquisando sobre o assunto "Liturgia" achei no livreto mensal "Deus Conosco" uma série muito legal falando sobre equipes de liturgia, então resolvi transcrever aqui em nosso blog todos os textos e na medida do possível vou fazendo comentários segundo a minha experiência de vida nesta área que é muito importante para o andamento da Santa Missa.

Até agora foram publicados seis partes (uma por mês) desta formação, então durante as semanas seguintes vou publicar umas duas vezes por semana estas formações até igualarmos com a publicação mensal e depois daremos seguimento.

Então vamos ao primeiro texto!


-------------------------------------------------------

1. Introdução: palavras do autor.

Recebemos sugestão, enviada por um Padre, para fornecer nestas páginas, orientações para formação de equipes de litúrgicas nas paróquias e comunidades.

Pareceu-me que a preocupação imediata do sacerdote era de que as celebrações fossem bem preparadas, que não houvesse improvisos, de tal maneira que quando o padre chegasse tudo estivesse providenciado. Assim não correria o risco de iniciar a celebração e depois perceber a falta de elementos importantes para uma boa celebração da Missa ou de outros Sacramentos.

A sugestão é boa e acho que vale a pena nos dedicarmos a esse trabalho, já que nem todas as comunidades possuem Equipe de Liturgia bem formada e capacitada para prestar serviço com dedicação e eficiência.

Embora existam em algumas dioceses cursos de formação litúrgica para leigos e também livros de orientação a esse respeito, vamos com muita simplicidade e modéstia, atender essa sugestão.

Desde já solicitamos que, no transcorrer de nossas orientações, quem tiver perguntas, dúvidas e sugestões, favor escreva-nos. O e-mail é deusconosco@editorasantuario.com.br.

Neste início de conversa precisamos esclarecer para que serve uma Equipe de Liturgia na paróquia ou na comunidade. Mas antes, vamos ver se todos sabem o que é a LITURGIA.

2. O que é a Liturgia?

A Liturgia é uma ação e o Agente principal dessa ação é Jesus Cristo, atuando como Sumo Sacerdote, prestando um culto perfeito e agradável ao Pai. Jesus, nosso Sumo e Eterno Sacerdote, é a cabeça do Corpo Místico, que é a Igreja. A Liturgia, então, é também ação da Igreja. Quando nos reunimos para celebrar a Missa, Jesus está presente. Por Cristo, no Espírito Santo, rendemos graças, louvamos e adoramos a Deus Pai e, ao mesmo tempo, obtemos a salvação. A Igreja, que somos nós em Cristo, torna-se sinal e instrumento de união com Deus e de unidade que envolva todo o gênero humano.

A ação litúrgica deve ser, portanto, a atividade mais excelente entre todas as atividades exercidas pela Igreja. Em vista disso, é preciso que as celebrações litúrgicas sejam de fato bem preparadas e executadas com toda dignidade, consciência e respeito.

3. Que seria uma Equipe Litúrgica?

Uma Equipe de Liturgia é um grupo de ação pastoral, portanto, um grupo de serviço. Tem a função de ajudar a comunidade a participar ativa e conscientemente das Celebrações Litúrgicas. Espera-se que a Equipe de Liturgia ajude as pessoas a participarem frutuosamente das celebrações.

Para alcançar esse objetivo, os membros da Equipe Litúrgica devem estar dispostos a viver e trabalhar em marcante unidade. Precisam conhecer a Liturgia, devem estar imbuídos dos principais elementos da teologia litúrgica. Isso supões que possam agir com bons critérios em suas tarefas.

Os membros de uma Equipe de Liturgia devem ser voluntários, confirmados pelo pároco, liderados por um coordenador. Devem reunir-se periodicamente para:

* Planejar suas atividades:
* Distribuir as tarefas e executá-las em grupo;
* Avaliar os trabalhos feitos;
* Avaliar periodicamente o desempenho de cada um;
* Corrigir os pontos falhos, melhorar a qualidade dos serviços, etc;
* Procurar viver uma espiritualidade litúrgica (rezar e meditar juntos.)

4. Exemplo de um trabalho

Quais as atividades que estariam sob a responsabilidade da Equipe Litúrgica? Não é fácil fazer um elenco dessas atividades, pois vai depender muito da realidade de cada paróquia, de cada comunidade. É preciso fazer um levantamento de tudo o que entra na composição das ações litúrgicas.

Se a tarefa principal da Equipe de Liturgia for a de preparar a celebração da Missa, o que ela deve fazer?

A primeira coisa que a Equipe deverá saber é qual celebração está prevista no Calendário da Igreja. Para isso é necessário verificar o Diretório Litúrgico, que é um tipo de agenda publicada pela CNBB e que toda paróquia, capela ou comunidade deve ter. Esse livreto normalmente fica na Sacristia ou na Secretaria da igreja. Nessa agenda podemos encontrar, para cada dia, qual celebração está prevista. Exemplo:

* 3ª feira da 1ª semana da Quaresma – Ano C;
* Cor litúrgica: Roxa (vai determinar a cor das vestes do sacerdote – Casula ou Estola);
* A Missa deste dia é própria, ou seja, possui textos de oração e de leitura (Is 55,10-11 / Salmo 33 / Mt 6,7-15) específicos;
* O prefácio previsto também é próprio do tempo Quaresmal.

Essas indicações, colhidas no Diretório Litúrgico, possibilitarão que a Equipe a marcação das páginas dos livros de Missa:

* Marcar o Missal significa encontrar no livro a página da Missa da terça-feira da 1ª semana da Quaresma e colocar ali uma das fitas coloridas de marcação;
* Colocar também outra fita na página do Ordinário da Missa (Ritos iniciais da Missa);
* Com outra fita, marcar o prefácio indicado na agenda;
* Por fim, marcar com outra fita a Oração Eucarística que será rezada (saber antes com o Padre, pois ele é quem escolhe);
* Marcar o Lecionário significa encontrar a página onde começam as leituras da terça-feira da 1ª semana da Quaresma.

Esse foi um pequeno exemplo de um dos trabalhos que poderia ser feito por membros de uma Equipe Litúrgica. No próximo mês continuaremos. Não se esqueçam: escrevam, perguntem, mandem sugestões.

Clodoaldo Montoro
Publicado na Liturgia Diária “Deus Conosco” do mês de novembro de 2012.

Um comentário:

  1. A doce paz do Senhor Jesus, Rodrigo!
    Obrigada pela vista!
    Olha só, por fim cada um vai completando o outro!
    Deus te abençoe!
    Abração!

    ResponderExcluir

Oi! Seja bem vindo (a) ao nosso cantinho de comentários!