Espero que gostem de nossa atividade de catequese.

Espero que gostem de nossa atividade de catequese.
Clique na imagem e confira!

Você se lembra delas?!

Você se lembra delas?!
Confira nossas atividades de catequese!

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Equipes de Liturgia – Parte 2

Deixa eu dizer!... 

O bom deste estudo que estou publicando aqui no blog é que nos mostra uma realidade que em muitas paróquias pelo nosso Brasil pode estar acontecendo, em que a Equipe de Liturgia se divide para fazer várias funções! Em nosso estudo de hoje por exemplo, vejo como é diferente aqui em nossa paróquia, já que a parte de marcar o Missal e o Evangeliario por exemplo, é de responsabilidade dos Cerimoniários da paróquia e a parte de arrumar os utensílios como as âmbulas é de responsabilidade dos Ministros da Eucaristia (Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão), onde nós só auxiliamos na colocação destes em seu devido lugar para o início da Missa e convidando as pessoas para participar da procissão das ofertas.

Então vamos ao segundo texto!

------------------------------------------------------- 

COMO A EQUIPE PREPARA UMA MISSA?

1. Consulta ao Diretório Litúrgico

O que a Equipe de Liturgia deveria preparar (com a devida antecedência) para a celebração da Missa?
Vamos ver isso, parte por parte.
Suponhamos que a Equipe esteja preparando a Missa da noite de Natal. Consultando o Diretório Litúrgico, editado pela CNBB – Ano 2012, vemos que:

* Br (indica que a cor é branca; Casula, estola, véu do sacrário etc.).
* Missa (três) prs: (indica que são três Missas próprias, a da noite, a da aurora e a do dia). Gl., Cr., Pf. Do Natal: (indicam que haverá o hino do Glória, a recitação do Creio  e o Prefácio será próprio do Natal).

2. Providências quanto aos livros litúrgicos

Com base nas informações a equipe fará a marcação dos livros: No Missal e no Lecionário.

A. NO MISSAL:

1. Missal, página 125 (Missa da noite)
* Vemos aí a Antífona de entrada, a Oração do dia, a Oração Sobre as Oferendas, a Antífona da Comunhão e a Oração depois da Comunhão.
* Não esquecer de marcar essa página com uma das fitas.

2. Missal, página389 e seguintes
* Essa é a página onde se indica o Rito da Missa. Essa página sempre deve estar marcada com uma das fitas. É por ela que o Presidente começa a celebração. Tudo o que está com letrinhas vermelhas são as indicações práticas de “como fazer”.

3. Missal, páginas 410-412
* Nessas páginas encontramos três Prefácios do Natal. De comum acordo com o Presidente, ver qual deles será tomado na celebração da noite. Marcar também a página com uma fita.

4. Missal, páginas 469-499 e 842-875
* Nesses dois conjuntos de páginas encontram-se as diversas Orações Eucarísticas. Igualmente, de acordo com o Presidente, ver qual delas será tomada para a Missa da noite e marcar com uma fita.

B. NO LECIONÁRIO:

* O Natal é uma “Solenidade”, por tanto as leituras encontram-se no Lecionário Dominical. É preciso localizar consultando o Diretório Litúrgico, em qual ciclo do Ano Litúrgico estamos. Desde o 1º Domingo do Advento (02/12/2012) estamos percorrendo o Ano C.

* Lecionário Dominical, Ano C – página 706.
Veja que para a Missa da noite os seguintes textos:
Primeira Leitura – Livro do Profeta Isaias 9,1-6.
Salmo Responsorial – Salmo 95(96).
Segunda Leitura – Carta de São Paulo a Tito 2,11-14.
Aclamação ao Evangelho – Lucas 2,10-11.
Evangelho – Lucas 2,1-14.
Não esquecer de marcar com uma fita a página 706.

N.B. Citamos os números das páginas segundo edições Paulus.

Pronto, a Equipe já providenciou a marcação dos livros, do Missal e do Lecionário. O Missal, antes da Missa, poderá ser colocado numa mesinha, na parte lateral do presbitério. Durante os Ritos Iniciais, um dos acólitos pega o livro e o apresenta ao Presidente, já aberto na página marcada. Outras possibilidades: colocar o Missal sobre a própria mesa do altar; ou colocar o Missal sobre uma estante de leitura, voltada para a assembleia, na frente do presbitério. Do ofertório até ao momento da comunhão, o Missal deverá permanecer no altar.

3. Providências quanto às vestes litúrgicas

A equipe encarregada da Liturgia deverá assegurar-se de que as vestes a serem utilizadas pelo(s) sacerdote(s), ministros e acólitos estejam completas, limpas, de acordo com as orientações da Igreja, à disposição no local apropriado da sacristia.

Os ministros ordenados usarão túnica ou alva (em caso de alva, providenciar também o amito e o cíngulo), estola e casula de co branca ou dourada (Solenidade de Natal). Se for o caso, o uso da casula poderá ser feito apenas pelo Presidente.

Conforme o costume e/ou particularidades artísticas do templo, outras peças de ornamentação poderão ser colocadas no presbitério, obedecendo a cor litúrgica do dia (véu de ombro, véu de sacrário, toalhas de altar, véu das estantes, etc.).

4. Providências imediatas do altar

A equipe verificará se o altar está coberto com toalha branca, de tecido nobre (linho ou semelhante). Há igrejas em que uma outra toalha é colocada por cima, para proteger o altar da poeira. Verificar, nesse caso, se ela será removida para o momento da Missa.

Quais os utensílios e materiais para a Missa que devem ser preparados?

* Cálice e patena – A patena (pratinho) para acolher a hóstia grande; o cálice para acolher o vinho e a gotinha d’água. Acompanham esses objetos o corporal 9pano de linho branco, engomado, dobrado em quatro, que se abre sobre o centro do altar e nele são colocados o cálice e a patena); o sanguinho (paninho branco que serve para secar o interior do cálice, depois de purificado com água: a pala 9um quadrado de papelão como a capa dura de um livro, revestido de pano branco, que serve para tampar o cálice durante a Oração Eucarística, até a hora da comunhão).

* Galhetas – Duas jarrinhas, uma contendo a porção do vinho de Missa, outra contento a água.

* Jarra (com água) e bacia - Para lavar as mãos do Presidente depois do ofertório. (Opcionalmente poder ser usada a água da galheta.) Acompanha uma toalha de enxugar as mãos do padre.

* Hóstias – Uma grande, sobre a patena (Se houver mais padres celebrantes poderão ser colocadas outras, mas não necessariamente um para cada um pois podem ser partidas em pedaços menores). Partículas pequenas (hóstias), colocadas na ambula, para a comunhão dos fiéis, conforme a estimativa do número de comungantes na Missa.

Todo esse material deve estar sobre uma mesinha, no presbitério ou no corredor da nave central (quando houver procissão de ofertório). No momento propício, deve ser levado para o altar.

Clodoaldo Montoro
Publicado na Liturgia Diária “Deus Conosco” do mês de dezembro de 2012.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi! Seja bem vindo (a) ao nosso cantinho de comentários!