Você se lembra delas?!

Você se lembra delas?!
Confira nossas atividades de catequese!

domingo, 9 de março de 2014

Porque na Quaresma as cruzes e as imagens dos santos ficam cobertas com pano roxo?!

É comum na quaresma, ainda nos dias de hoje nos depararmos com a surpresa de alguns fiéis que entram na igreja e encontram as imagens todas cobertas com pano roxo! Aqui na paróquia onde participo (Paróquia Senhor Bom Jesus/Diocese de Campos-RJ) temos o costume de cobrir as imagens logo após a Quarta-feira de cinzas. Pensando nisso, fui buscar e encontrei no site ... uma ótima explicação sobre o tema! Espero que gostem e seja útil para você também!

------------------------------------------------------



É costume muito antigo na Igreja, a partir do quinto Domingo da Quaresma – também chamado de Primeiro Domingo da Paixão, na forma extraordinária do Rito Romano, (sendo na verdade o Domingo de Ramos e da Paixão do Senhor, o Segundo Domingo da Paixão) – cobrir com pano roxo as cruzes, quadros e imagens sacras. As cruzes ficam cobertas até o final da liturgia da Sexta – Feira Santa, os quadros e demais imagens até a celebração da noite de Páscoa.   

O sentido profundo desse ato de cobrir as imagens sacras, fundamenta-se no luto pelo sofrimento de Cristo Nosso Senhor, levando os fiéis a refletir, ao contemplar esses objetos sagrados cobertos do roxo, que simboliza a tristeza, a dor e a penitência. O ápice do despojamento ocorre após a Missa da Ceia do Senhor na Quinta-feira Santa, quando retiram-se as toalhas do altar. A cruz coberta lembra-nos a humilhação de N. Senhor Jesus Cristo, que teve de ocultar-se para não ser apedrejado pelos judeus, como nos relata o Evangelho segundo São João:

“Os judeus pegaram pela segunda vez em pedras para o apedrejar. Disse-lhes Jesus: Tenho-vos mostrado muitas obras boas da parte de meu Pai. Por qual dessas obras me apedrejais? (...). Procuraram então prendê-lo, mas ele se esquivou das suas mãos. Ele se retirou novamente para além do Jordão, para o lugar onde João começara a batizar, e lá permaneceu.” (Jo 10, 31-32.39-40)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi! Seja bem vindo (a) ao nosso cantinho de comentários!